Certificação ISO
Traduzimos palavras em negócios
A maneira mais rápida de atingir um público internacional
por Terralíngua      Publicado em  novembro 7, 2016
00

A maneira mais rápida de atingir um público internacionalA web é o meio mais rápido para divulgar informações atualizadas à maioria dos clientes ao redor do mundo, o que também é conhecido como presença on-line. Mas será que seu site e suas publicações nas redes sociais “falam” com todos os possíveis interessados em seu produto ou serviço? Segundo uma pesquisa da Common Sense Advisory, as empresas que desejam atingir 90% do mundo on-line precisam oferecer seus produtos e/ou serviços em 14 idiomas, sendo que dois deles devem ser necessariamente o árabe e o chinês.

Criar e prover devidamente um público-alvo tão amplo exige um grande investimento. E apesar de muitas empresas fazerem esse investimento, ele geralmente supre somente uma demanda já estabelecida em um determinado mercado. Isso significa que a mensagem dessas empresas não está atingindo milhões de clientes potenciais que talvez estejam interessados em obter as informações em seu próprio idioma.

Evidentemente, nem todas as empresas têm os recursos ou mesmo a necessidade de fazer negócios em 14 idiomas. Sites, manuais, aplicativos móveis e redes sociais fazem parte da rede de marketing, e investir em tradução e suporte para vários idiomas pode exigir um orçamento alto.

Considerando isso, como uma empresa deve organizar seus recursos para obter os melhores resultados com os idiomas com os quais decide trabalhar? Afinal de contas, cada empresa é diferente, e uma mesma solução não serve para todas. Com pesquisa e planejamento voltados para sua situação específica, é possível estabelecer prioridades para garantir que seu orçamento seja bem gasto na otimização dos idiomas que impulsionarão suas vendas e melhorarão o nível do serviço, pois é garantido que todo cliente prefere receber informações em sua língua nativa.

Observe sua situação atual

Faça uma análise dos mercados internacionais em que você teve mais sucesso e se pergunte que materiais você traduziu para esses países. Embora a maioria compreenda e aceite o conteúdo em inglês, você traduziu algum material para verificar se a reação do seu público-alvo é a mesma? Ou só porque você nunca ofereceu uma versão localizada do conteúdo para esses mercados você supõe que eles não desejam ou necessitam disso? Você tem dados ou recebeu comentários de clientes indicando que suas vendas aumentariam caso eles tivessem acesso a mais conteúdo no idioma do mercado local?

Conheça seu cliente

Obtenha informações detalhadas sobre seus clientes, usando inclusive a análise da web. Onde eles estão? Que idiomas falam? Eles querem se conectar com você pelas redes sociais? Essas perguntas ajudarão a tomar uma decisão consciente e com base em seu orçamento sobre os idiomas e os tipos de conteúdo necessários para atingir seus públicos-alvo.

Use seu orçamento com sabedoria

Use os dados coletados sobre seus clientes para decidir a melhor forma de investir em serviços de tradução. Por exemplo, se seus clientes do Canadá forem adeptos do Facebook, faz sentido traduzir o material do site para o francês canadense para que eles se interessem pelo conteúdo e consigam se comunicar com sua empresa e outros clientes por essa plataforma. Por outro lado, caso já tenha feito uma campanha de marketing em inglês em determinado país e tenha obtido bons resultados, talvez seja mais sensato priorizar a tradução para um idioma diferente. Sob outro ponto de vista, por mais que os esforços de marketing e de vendas funcionem muito bem disponibilizando somente um ou dois idiomas, talvez seja preciso ter a documentação do produto e os materiais de instruções ao usuário traduzidos para vários outros idiomas. Esse é um fator decisivo em termos de segurança e responsabilidade. Mesmo que você não tenha precisado traduzir nada para vender seu produto, o material necessário para usá-lo com segurança e de maneira correta deve ser traduzido.

Pense na abrangência de um determinado idioma

Estude o mercado mundial e identifique o mercado emergente em que seu produto pode ter um bom desempenho. Por exemplo, investir na tradução para o espanhol não só fará a empresa atingir o México e outros 20 países hispanofalantes, como também melhorará a comunicação com os Estados Unidos, onde o espanhol é o segundo idioma mais falado. Você também pode discutir com seu parceiro de tradução se é melhor usar termos genéricos ou termos específicos de um país. Os termos genéricos são ideais para garantir que o material seja compreendido pelo maior número possível de usuários; um exemplo seria o uso do espanhol internacional. Já os termos específicos de um país são a melhor opção se você deseja falar de verdade o idioma do público-alvo.

Use um serviço de tradução profissional

Por último, não fique tentado a economizar dinheiro pedindo para alguém não especializado traduzir o material ou, pior ainda, usando uma ferramenta de tradução automática. Os serviços de tradução e localização de sua empresa devem ser realizados por tradutores profissionais que sejam falantes nativos do idioma e que tenham experiência na área. Também é preciso que o tradutor possua seguro de responsabilidade profissional e que controles de garantia de qualidade sejam estabelecidos para que a imagem de sua empresa não acabe nas mãos de um amador.

Com todos os meios digitais e redes sociais disponíveis atualmente, é possível atingir clientes de todo o mundo em um piscar de olhos e compartilhar seu conteúdo mais rápido do que nunca. Antes de disponibilizar o conteúdo on-line, porém, certifique-se de que as informações são relevantes e estão corretas, independentemente do idioma, pois um deslize momentâneo pode ser fatal para a reputação de sua empresa.

______________________________

A Terralíngua é uma agência profissional de serviços de tradução com certificação ISO e especializada na comunicação precisa de conteúdo empresarial. Obtenha mais informações sobre nossos serviços e clientes e solicite um orçamento pelo endereço www.terralingua.com.br ou por um de nossos telefones locais.

Tópicos do Blog