Certificação ISO
Traduzimos palavras em negócios
A tradução e os sistemas de gerenciamento de conteúdo
por Terralíngua      Publicado em  setembro 12, 2016
00

A tradução e os sistemas de gerenciamento de conteúdoVocê já deve ter ouvido falar no termo CMS (sistema de gerenciamento de conteúdo) caso sua empresa esteja disponibilizando conteúdo de maneira mais ampla e com o intuito de atingir um público global. Embora o conceito de CMS não seja novo, tendo surgido nos anos 1990, ele vem ganhando popularidade devido à grande eficiência que oferece.

Esses sistemas são usados no processo de criação e gerenciamento de conteúdo, utilizando-se da organização das informações para obter mais facilidade de acesso e controle. Eles possibilitam que os usuários participem do processo de praticamente qualquer lugar do mundo, basta que consigam se conectar ao seu sistema por meio de um computador (e tenham autorização para isso).

Os usuários não precisam ter conhecimento de codificação nem precisam entender muito de tecnologia, pois o CMS cuida da tecnologia subjacente e permite que eles se concentrem no conteúdo de fato.

A maioria dos sistemas CMS apresenta recursos de edição, formatação, indexação e controle de revisão. A edição pode ser concluída rapidamente, pois o CMS permite pesquisar e indexar documentos, além de especificar palavras-chave para otimizar os mecanismos de busca.

Se você está planejando globalizar seus sites e localizar seu conteúdo, é importante cogitar o uso de um CMS com suporte para conteúdos multilíngues que ofereça recursos para tarefas de tradução.

O Unicode é normalmente usado em sistemas CMS multilíngues para permitir a compatibilidade com a codificação e a representação de caracteres usados na maioria ou em todos os idiomas em que você negocia, inclusive aqueles com leitura da direita para a esquerda e que não usam o alfabeto romano. Você também pode alternar com facilidade entre diferentes moedas, formatos de hora e de números.

Outro fator importante a ser considerado ao globalizar o conteúdo do sistema de sua empresa é garantir que o CMS tenha uma ferramenta de memória de tradução integrada ou vinculada. Durante a localização de sites ou documentos, essa ferramenta é usada por tradutores profissionais para identificar frases que já tenham sido traduzidas em parte ou na sua totalidade. Isso facilita atualizações e revisões.
Para ajudar na sua decisão, confira detalhes sobre algumas ferramentas de CMS conhecidas.

Joomla!

Joomla! é um aplicativo em código aberto que pode ser usado por todos: de pequenas empresas a grandes corporações.

O Joomla! é ideal para empresas com muitos grupos de usuários que precisam ter acesso de edição a documentos, sem que se perca o controle sobre eles. O aplicativo oferece 66 idiomas, o que significa que você tem uma grande variedade de opções para a localização de sua página on-line. Além disso, atualizar o Joomla! é simples, pois ele oferece um recurso de atualização ativado por apenas um clique.

É possível organizar pastas e arquivos para o seu conteúdo usando a ferramenta Media Manager, que, por ser integrada ao Article Editor, também permite o acesso direto a imagens e quaisquer outros arquivos.

Você não precisa ter conhecimento de codificação para adicionar conteúdo ao site. Para adicionar imagens e fotos, basta arrastá-las e soltá-las. Além disso, você pode escolher um layout entre várias opções. O conteúdo pode ser facilmente encontrado, e as alterações podem ser monitoradas com o uso do controle de versão.

Drupal

O Drupal é outro aplicativo em código aberto para empresas. Ele tem uma interface fácil de usar, o que é bastante prático para os usuários que não têm muito conhecimento sobre HTML. Além disso, apresenta um módulo de tradução baseado na web, o que significa que as traduções são gerenciadas a partir de um local central e que os tradutores não precisam ter conhecimento algum sobre o Drupal.

As traduções concluídas podem ser visualizadas junto a novas informações e conteúdos que exigirem atualização. O conteúdo traduzido usando qualquer ferramenta de tradução pode ser carregado no Drupal.

Ele é ideal quando há grandes quantidades de conteúdo de site e em diferentes idiomas.

DITA

DITA não é exatamente um CMS, é uma ferramenta de criação usada por empresas globais que têm muito conteúdo em diferentes idiomas. Essa ferramenta facilita o controle da redação de brochuras e das atualizações de manuais de instrução.

O conteúdo é redigido em segmentos, de modo que o texto possa ser desenvolvido em etapas até que o trabalho seja concluído. Assim, cada parte pode ser acessada e utilizada novamente sem a necessidade de revisão e substituição da totalidade do conteúdo. Os criadores de conteúdo também têm a vantagem de poder usar o sistema no Microsoft Word, ou seja, sem a necessidade de saber usar XML.

As revisões do conteúdo em DITA também tornam o processo de tradução mais eficiente. Por exemplo, ao atualizar um manual de instruções, você só precisa alterar a tradução do segmento revisado. É uma economia de tempo e dinheiro.

O fator mais importante a ser considerado ao implementar um CMS é garantir que esse sistema seja o melhor para as necessidades atuais e futuras da sua empresa. Ainda que você não esteja traduzindo conteúdo algum no momento, é possível que você conquiste novos mercados que exijam materiais em outros idiomas. Caso tenha dúvidas referentes a sistemas CMS e a traduções, entre em contato com seu parceiro de localização; ele fornecerá auxílio e suporte às suas iniciativas.

______________________________

A Terralíngua é uma empresa de tradução profissional com certificação ISO, especializada em localização e editoração eletrônica. Trabalhamos com muitos dos líderes mundiais do setor. Se desejar falar conosco sobre a comunicação global de sua empresa, acesse nosso site para obter mais informações.

Tópicos do Blog