Certificação ISO
Traduzimos palavras em negócios
Como traduzir manuais técnicos para diferentes idiomas
por Terralíngua      Publicado em  setembro 5, 2013
00

Como traduzir manuais técnicos para diferentes idiomasAntigamente, muitas empresas e corporações ficavam restritas às suas respectivas regiões e desenvolviam uma base de clientes somente naquela área. No atual mundo competitivo, as empresas não precisam mais depender de um mercado local de clientes fidelizados para garantir seus lucros. Grande parte das empresas busca se expandir para além de suas comunidades locais, e muitas delas optam por vender seus serviços ou mercadorias em outros países.

Para isso, é preciso fornecer guias de usuário e outras documentações de suporte nos idiomas locais, para que assim os clientes possam conhecer os produtos que compram e também possam incentivar outras pessoas a adquiri-los. Com isso, surge a necessidade da tradução técnica de manuais para diversos idiomas.

O inglês constitui o texto de origem a partir do qual os manuais são traduzidos para os diversos idiomas. Ao providenciar o guia de usuário técnico nos idiomas locais, as empresas permitem que os próprios usuários internacionais solucionem seus problemas ao usarem determinado produto, antes de procurarem a ajuda da empresa.

O que devem fazer os clientes que optam pela tradução de seus manuais

Se a sua empresa decidir recorrer a um prestador de serviços para realizar a tradução técnica de seus manuais, esteja ciente de alguns pontos importantes para que o processo seja o mais tranquilo e produtivo possível.

Você precisa ser claro quanto à finalidade do seu manual nas mãos de seu público-alvo. Ao entrar em contato com um prestador de serviços de tradução, é preciso que você já tenha ideia do prazo em que espera receber o manual traduzido. Caso precise da tradução em um curto espaço de tempo, esteja preparado para pagar tarifas adicionais.

Além disso, você deve esclarecer ao prestador de serviços se deseja que o documento original completo seja traduzido ou apenas parte dele. A clareza de sua parte ajudará o prestador de serviços a passar uma estimativa mais precisa. Decida se você quer que o prestador mexa nas imagens e nos desenhos ou somente no texto. A formatação de imagens eleva o preço, portanto, se você souber como fazer isso por conta própria, poderá economizar.

Se for o caso, peça para que palavras específicas da empresa sejam deixadas como no original. Os termos presentes em botões, nas telas ou no equipamento devem ser correspondentes aos termos do manual para que os usuários possam correlacionar o produto e o guia do usuário. Peça para que o prestador de serviços não traduza esses termos.

Oriente o prestador de serviços a criar um glossário dos termos traduzidos no manual. Esse glossário pode servir como referência para documentos criados posteriormente e pode ajudá-lo a garantir a consistência da terminologia. Um ponto fundamental a ser lembrado é, ao encontrar uma agência de tradução técnica que faça um bom trabalho com seus manuais, não mude de agência. Assim, você pode garantir a consistência, que é essencial em documentações técnicas.

Dicas para a tradução de manuais

Ao traduzir, é preciso seguir algumas regras, como as indicadas abaixo, para ajudar a melhorar a legibilidade de seu documento.
• A linguagem usada em traduções técnicas deve ser direta, simples e sem o uso de termos rebuscados.
• Sempre que possível, use verbos no presente em vez do futuro. Por exemplo, você deve escrever “Quando você clica no link, uma nova página é aberta”, e não “Quando você clicar no link, uma nova página será aberta”.
• Use a voz ativa, em vez da voz passiva. Em outras palavras, enfatize o verbo, e não o substantivo. Por exemplo, use “Passe o mouse sobre a imagem”, em vez de “O mouse deve ser passado sobre a imagem”.
• Prefira verbos com uma palavra. Isso simplifica não apenas a linguagem, mas também evita que o significado fique ambíguo, especialmente para um público estrangeiro.
• Dirija-se ao usuário pela segunda pessoa do singular (ou seja, “você”), em vez de usar a terceira pessoa. Por exemplo, use “Você pode selecionar qualquer uma das três opções”, em vez de “O usuário pode selecionar qualquer uma das três opções”.
• Evite frases redundantes e jargões de qualquer tipo. Mantenha uma linguagem simples, frases concisas e terminologia precisa.

Tópicos do Blog