Certificação ISO
Traduzimos palavras em negócios
Não precisa traduzir… ou será que precisa?
por Terralíngua      Publicado em  maio 18, 2017
00

Não precisa traduzir… ou será que precisa?Se sua empresa tem uma presença exclusivamente nacional e seu principal idioma é o português, talvez você pense que não há motivo para traduzir seu material. Mas é preciso considerar alguns fatores importantes para não tirar conclusões precipitadas.

Quem são os usuários de seu produto ou serviço?

Mesmo que sua empresa esteja estabelecida em um país lusófono e não tenha um público-alvo internacional ou não conduza negócios em outros países, alguns consumidores podem preferir acessar seu material em outros idiomas.

Quem são os usuários de seu equipamento, serviço ou produto? Você pode ter um cliente cuja empresa conduza negócios em português, mas que necessita ter informações importantes de suporte e segurança em outro idioma a fim de repassá-las para operadores ou usuários finais. Se o produto for usado de maneira inadequada devido às barreiras linguísticas, sua empresa pode sofrer consequências jurídicas e ter sua reputação manchada.

De acordo com Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), em uma edição de 2011 da revista Desafios do Desenvolvimento, no Brasil são falados mais de 210 idiomas. Depois do português, há uma enorme variedade de idiomas indígenas, mas também há outros idiomas falados por imigrantes, como alemão, italiano, árabe, espanhol, japonês, entre outros. Além disso, com o próprio advento da globalização, há diversas multinacionais e executivos de outros países instalados no Brasil.

Onde estão os responsáveis pelas decisões?

A Common Sense Advisory, uma empresa de pesquisa de mercado sediada em Massachusetts, nos Estados Unidos, entrevistou 3.002 consumidores de 10 países no idioma nativo deles para testar a hipótese de que as empresas podem aumentar suas vendas se localizarem seus produtos e sites. De acordo com o relatório, a “pesquisa revelou uma forte preferência do consumidor pela sua língua materna. Essa postura é um dos motivos pelos quais muitos clientes potenciais, inseguros de suas habilidades de leitura em inglês, evitam sites nesse idioma, passam menos tempo visitando páginas que estão em inglês e deixam de comprar produtos se não há instruções ou atendimento de pós-venda no idioma nativo deles. Em resumo, chegamos à conclusão de que quanto maior for a quantidade de conteúdo disponibilizado ao cliente no idioma local, maior será a chance de ele finalizar a compra”.

Os resultados desse estudo podem ser aplicados em qualquer idioma. Por isso, pode ser que alguns de seus clientes potenciais tenham escritórios no Brasil, mas as sedes corporativas desses clientes ou mesmo os principais responsáveis pela tomada de decisões podem estar em outros países. E mesmo que os negócios sejam conduzidos em português, em que idioma são feitas as decisões de compra?

Ampliando sua presença

As empresas estão se tornando globais mesmo sem estarem fisicamente presentes em outros países. A internet se encarrega de levar sua empresa a várias regiões do mundo, mesmo que você não tenha planos de atingir mercados internacionais. Talvez existam clientes falantes de outros idiomas que tenham interesse em seu produto ou precisem dele, por isso é importante disponibilizar as informações em outros idiomas. Assim, seu produto ou serviço pode atingir mercados e consumidores os quais você talvez não tenha cogitado, mas que procuram exatamente o que você oferece.

Cause uma boa primeira impressão

Essas reflexões importantes ajudarão sua empresa a decidir se, de fato, vale a pena investir na tradução de seu conteúdo. Investimento é uma palavra-chave aqui, pois algumas empresas acreditam equivocadamente que usar tradução automática, que pode ser gratuita ou de baixo custo, é o suficiente. Não há como avaliar ou suprir uma necessidade se o material não fizer sentido para o leitor ou for de baixa qualidade a ponto de colocar em risco a reputação da empresa. Como diz o ditado: a primeira impressão é a que fica.

Você alguma vez já recebeu informações sobre produtos que claramente não tinham sido escritas por um falante nativo? Como se sentiu ao ler o material? Frustrado? Confuso? Sentiu-se valorizado como cliente? O material mal escrito afetou a imagem que você tinha do produto? Tradutores profissionais têm a habilidade de expressar ideias de maneira clara e correta, e não existe nenhuma ferramenta de tradução automática capaz de substituir isso.

Se o seu objetivo é obter uma maior quantidade de acessos on-line e atrair mais clientes, você deve contratar tradutores profissionais para disponibilizar seu material em outros idiomas.

______________________________

A Terralíngua é uma empresa com certificação ISO que, com suas soluções de tradução e localização, já ajudou diversas empresas a se globalizarem. Se o seu objetivo em 2017 é ampliar o alcance de sua empresa, acesse nosso site e preencha o formulário de contato para falar com um de nossos representantes no Brasil, nos EUA, ou na Europa.

Tópicos do Blog