Certificação ISO
Traduzimos palavras em negócios
O que é editoração eletrônica e por que ela é importante?
por Terralíngua      Publicado em  maio 26, 2015
00

O que é editoração eletrônica e por que ela é importante?Editoração eletrônica é um tipo de serviço bastante comum no setor de tradução, mas o ela faz exatamente? Por que você precisa desse serviço em seus projetos de tradução?

Deixar a tradução perfeita

A editoração eletrônica utiliza softwares de diagramação para formatar texto e imagens. Um fornecedor profissional de tradução oferecerá esse serviço para devolver o documento traduzido no mesmo formato do original. Isso normalmente é chamado de editoração eletrônica multilíngue, pois, muitas vezes, é necessária uma versão específica do software de editoração eletrônica para determinados idiomas. Assim, quando a versão em inglês do seu material for devolvida, ela estará formatada e pronta para ser impressa nesse idioma. Tradutores que não oferecem editoração eletrônica só podem devolver a cópia traduzida em formato de texto, ou seja, a responsabilidade pela formatação do material após a conclusão do trabalho será sua.

Muitas empresas contam com um funcionário ou com uma equipe de design gráfico para realizar as tarefas de editoração eletrônica nessa etapa. No entanto, se não houver um profissional nativo do idioma-alvo na equipe, podem ser gerados erros e omissões quando o texto estiver sendo posicionado no layout caso não se tenha extremo cuidado. Muitas empresas preferem que seu parceiro de tradução profissional ofereça esse serviço para que possam ter a segurança de que o texto fique adequadamente formatado, com acentos e fontes inseridos corretamente. No valor cobrado para a editoração eletrônica, normalmente está incluído um serviço chamado de leitura de prova, o que significa que o tradutor revisará o texto novamente, dessa vez na versão formatada, procurando por possíveis melhorias.

A editoração eletrônica não é somente a substituição de um texto por outro. Existem diversas considerações especiais a serem feitas, como a taxa de expansão necessária em alguns idiomas por ser usada uma quantidade maior de palavras para expressar a mesma ideia. A não ser que já tenha sido planejado um espaço para a expansão, será necessário mais tempo de formatação para garantir que a versão traduzida tenha o mesmo aspecto do original. Outros idiomas, por sua vez, precisam de menos texto, o que torna a área de diagramação condensada demais, a menos que o designer gráfico tenha experiência em softwares de editoração eletrônica para fazer a adequação.

É importante garantir que o seu documento localizado não pareça ser uma versão traduzida e que seu público saiba que a mesma atenção dada ao documento original também foi dada ao material que chega a ele.

Idiomas como o árabe são escritos da direita para a esquerda, o que significa que o documento original, ao ser localizado, precisa ser modificado e que os elementos gráficos precisam ser editados para encaixarem-se no layout. Seus clientes ficarão satisfeitos ao receber documentos que possam ler com conforto e rapidez no próprio idioma, diagramados como tem de ser.

Embora seja papel da tradução comunicar a mensagem do idioma de origem para o idioma-alvo, é a editoração eletrônica que transmite as nuances técnicas ou culturais em um layout adequado a esse idioma-alvo. É isso que torna o documento legível em um idioma estrangeiro e que também abarca as diferenças técnicas e culturais para que o documento pareça ter sido escrito no próprio idioma e não traduzido.

Contrate uma empresa profissional de tradução

A editoração eletrônica multilíngue requer o uso de software adequado, que não apenas gere documentos multiplataforma, mas que também seja capaz de trabalhar com idiomas compostos por caracteres, como chinês e japonês. Um profissional pode ser um excelente designer gráfico em sua língua nativa, mas certos idiomas têm regras e requisitos complexos para garantir que o texto possa ser lido corretamente. Mesmo que a sua empresa tenha um software de editoração eletrônica, pode ser que a versão não seja adequada para lidar com fontes ou layout de outro idioma. Contratar um parceiro de tradução profissional é a melhor maneira de garantir que o material seja devolvido no formato correto, principalmente se você não tem certeza das habilidades da sua equipe interna para lidar com determinado idioma.

Se você trabalha com idiomas diversos, em formatos diferentes e precisa reutilizar conteúdos, a editoração eletrônica aumentará a produtividade e reduzirá os custos.

A produtividade aumenta porque, com um serviço de editoração eletrônica (por exemplo, DITA), você consegue armazenar seu conteúdo e utilizá-lo de modo eficiente. Isso reduz o tempo gasto copiando e colando de um documento para o outro. Ter uma série de manuais de instrução com conteúdo semelhante é um bom exemplo de aplicação.

Além disso, um sistema como DITA faz uso do Adobe InDesign, que ainda é o sistema de design mais importante para editoração eletrônica de acordo com Tony Bradley, colunista de tecnologia da Forbes. Se você atende a clientes de outros países, apresentar-lhes documentos de maneira profissional ajudará a elevar a reputação da sua empresa e garantir a fidelidade à marca.

Resumindo, a editoração eletrônica é parte essencial da imagem profissional da sua empresa em qualquer idioma. Ao divulgar um produto ou serviço em outro país, você ampliará a confiança na sua marca se tiver um material que transmita a mensagem precisa para o público-alvo. Ao utilizar um serviço de editoração eletrônica profissional, você garantirá a representação adequada da imagem da sua empresa, além de dar tempo para que sua equipe se concentre em outras tarefas e projetos.

Terralíngua

A Terralíngua é uma empresa de tradução que oferece serviços de editoração eletrônica multilíngue para algumas das maiores marcas do mundo. Caso queira contar com nossa ajuda para traduzir, formatar e localizar seus documentos adequadamente em nível global, acesse nosso site para obter mais informações.

Tópicos do Blog